Esportes Mundo

Gigante europeu será sancionado pela UEFA por não apoiar a causa LGBT

Clube pode sofrer grandes punições por não prestar apoio 

O Real Madrid sofrerá punições da UEFA por não prestar apoio à comunidade LGBT, enquanto os demais clubes do futebol europeu usam suas redes sociais para prestarem apoio ao grupo de pessoas que lutam por seus direitos. 

Segundo o Diário Olé, Florentino Perez não irá ceder a entidade máxima da Europa em meio as recentes declarações de apaio à comunidade LGBT. Segundo a fonte, o clube merengue, por acreditar em suas convicções, como religão e anfins, não está aberto a esse tipo de apoiamento. 

Na Europa, clubes como Liverpool, City, United, Chelsea, Barcelona, Juventus, Bayern e entre outros apoiam a causa em meio a movimentos da UEFA. Na Premier League, por exemplo, todos os clubes se fazem presente apoiando à comunidade LGBT. 

Nas redes sociais, boa parte dos torcedores merengues, que moram na Espanha ou torcem para o Real Madrid há um bom tempo, são a favor do clube não prestar apoio à causa. Já, no Brasil, simpatizantes do clube de La Liga se encontram mais divididos. 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *